Quinta-feira, 12 de Junho de 2008

QREN: Autarca de Castro Verde eleito para representar municípios

QREN: Autarca de Castro Verde eleito para representar municípios em órgão gestor dos fundos comunitários Évora, 12 Jun (Lusa)

 

O presidente da Câmara de Castro Verde, Fernando Sousa Caeiros, foi hoje eleito representante dos municípios no órgão que gere os fundos do Quadro de Referência Estratégico Nacional (QREN) no Alentejo e na Lezíria, revelaram fontes autárquicas.

 

Contactadas pela Lusa, as mesmas fontes adiantaram que a reunião, realizada hoje à tarde em Évora, contou com a presença de representantes de 56 dos 58 municípios do Alentejo e da Lezíria ribatejana abrangidos pelo Programa Operacional do Alentejo (POA).

 

Os municípios da Golegã e de Ponte de Sor não enviaram qualquer representante para a reunião, que se destinou a escolher o novo representante dos municípios no órgão gestor dos fundos comunitários, devido à saída do autarca de Rio Maior, Silvino Sequeira. O presidente da Câmara Municipal de Castro Verde (distrito de Beja), independente eleito nas listas da CDU, vai ser o vogal executivo dos municípios na comissão directiva do QREN, tendo granjeado o voto de 31 câmaras.

 

Quanto a Jorge Martins (PS), presidente da câmara de Gavião (Portalegre) e igualmente presidente da Associação de Municípios do Norte Alentejano, recebeu 25 votos. Fernando Sousa Caeiros lidera o executivo camarário de Castro Verde desde 12 de Dezembro de 1976, quando, com apenas 22 anos, foi eleito nas primeiras eleições autárquicas depois da Revolução dos Cravos de 25 Abril de 1974.

 

O autarca adiantou hoje à Lusa que, devido às novas funções, vai suspender aquele que é o seu nono mandato, sendo substituído na liderança da autarquia pelo vice-presidente, Francisco Duarte. "Quando entrar em funções, suspendo o mandato", afirmou, escusando-se a precisar dentro de quanto tempo tal acontecerá. Primeiro, frisou, "o ministro do Ambiente [Francisco Nunes Correia] ainda tem que aceitar a exoneração de Silvino Sequeira, que está pendente". "Depois, é que virá a minha nomeação, que tem quer ser publicada em Diário da República", disse, garantindo que, "durante o Verão", a situação terá "consequências práticas".

 

Fernando Sousa Caeiros mostrou-se satisfeito pelo "novo desafio", ironizando que, numa altura em que "estava para ir para a reforma", preferiu antes aceitar este "cargo com responsabilidades acrescidas". "Não é fácil, mas é um desafio grande. Há diversas sensibilidades envolvidas e quero ser o representante de todos os municípios", referiu, prometendo trabalhar para "compatibilizar as perspectivas das administrações local e central, relativamente à aplicação do QREN". A comissão directiva do QREN no Alentejo e Lezíria é encabeçada, por inerência do cargo, pela presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional (CCDR), Maria Leal Monteiro. O órgão integra também dois vogais executivos (João Cordovil, indicado pelo Governo, e Fernando Sousa Caeiros, pelos municípios) e outros dois vogais não executivos (António Serrano, indicado pelo Governo, e Alfredo Barroso, escolhido pelos municípios). O anterior vogal executivo que representava os 58 municípios, Silvino Sequeira, presidente da Câmara de Rio Maior (PS), decidiu abandonar o cargo cerca de oito meses depois da sua entrada em funções, tendo regressado à autarquia. Silvino Sequeira invocou, em declarações à Lusa, razões "estritamente pessoais", as quais "não devem ser postas em causa", para abandonar o cargo. "Tenho razões que me impediam de desempenhar cabalmente" as funções", afirmou. Fonte socialista admitiu à Lusa algum mal-estar com a situação, tendo também o deputado social-democrata eleito pelo distrito de Santarém, Miguel Relvas, criticado a saída do autarca. RRL/MLL. Lusa/Fim

 

 

Link: http://ww1.rtp.pt/noticias/index.php?article=350514&visual=26&tema=1 

 

Aqui desde o centro da Europa onde me encontro neste momento, ficam as minhas felicitações pela eleição para este cargo de elevada responsabilidade.

 

Mais uma vez o partido Comunista consegiu estar associado a uma eleição com um indepenedente uma para um lugar de elevada visibilidade e notariedade.

 

Com o espirito de equidade que mais de 30 anos de trabalho lhe reconhecem  esperamos um mandato tranquilo apostado no desenvolvimento sustentado de toda uma região.

publicado por castromaisverde às 22:56
link do post | comentar | favorito
|
10 comentários:
De castromaisverde a 13 de Junho de 2008 às 00:24
Apesar de não estar no pais das tulipas sempre te garanto que podem ser negras.



De Manuel Antonio Domingos a 13 de Junho de 2008 às 06:08
Ò Manel Mestre desculpa lá pá, eu queria perguntar, era sobre a possibilidade de as tulipas poderem ser azuis?
Sabes, isto a partir dos cinquenta nós começamos a fazer muitas confusões. No meu caso, ainda se agrava mais umpouco pelo facto de eu morar perto do POÇO das ENTRADAS. O tal poço de que tu gostas muito, e que bastante te inspirou.
Desejo-te sinceramente a continuação de uma boa e frutosa estadia no meio das tulipas e perto de um bocadinho do teu sangue.


Comentar post

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Julho 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
22
23
24
25
26
27

28
29
30
31


.posts recentes

. Boa tarde

. Tradicionais Festas em Sa...

. Sr. Presidente devolva o ...

. Festejos do Foral de Cast...

. Por cá....

. Na reserva mas de olho!

. Castromaisverde vai fazer...

. Matemática Politica em Ca...

. Caeiros renuncia ao manda...

. PS adianta trabalho para ...

.arquivos

. Julho 2013

. Agosto 2011

. Setembro 2010

. Junho 2010

. Julho 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

.tags

. todas as tags

.Visitantes

cocheshoteles nicaraguaClasificadosmascotasteta

.Visitantes Online

online

.Relógio

blogs SAPO

.subscrever feeds